Início Esporte Morreu o ex-autarca de Marco de Canaveses Avelino Ferreira Torres

Morreu o ex-autarca de Marco de Canaveses Avelino Ferreira Torres

Avelino Ferreira Torres nasceu em Amarante, Rebordelo, a 26 de janeiro de 1945, destacou-se na política como autarca, faleceu esta noite vítima de doença prolongada.

Na política e no futebol teve sempre uma vida com polémica.

© Arquivo Global Imagens

Avelino Ferreira Torres morreu esta noite aos 74 anos, vítima de doença prolongada. O ex-autarca de Marco de Canaveses terá sido internada na semana passada devido a uma infeção respiratória grave, tendo regressado no dia de hoje devido a complicações.

Ferreira Torres, que se encontrava a ser julgado no Tribunal de São João Novo, no Porto, por estar acusado de forjar uma carta de confissão de dívida de um construtor, já não comparecia às sessões, devido a “doença grave”.

O anúncio do falecimento foi feito no site oficial da câmara de Marco de Canaveses para a qual foi eleito pela primeira vez, em 1983, pelo CDS-PP, e onde se manteve até 2005. Presidiu também ao Futebol Clube do Marco, em Marco de Canaveses, que o levaria a exercer funções no Conselho Nacional de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, já na década de 1990.

Na política e no futebol, as polémicas sempre foram uma constante na sua vida pública.

Em 2004, no Tribunal do Marco de Canaveses, Avelino Ferreira Torres foi condenado a três anos de cadeia, com pena suspensa, por crime de peculato. Mas na Relação, em 2006, foi entendido alterar a qualificação do crime para abuso de poder e atenuar a pena para dois anos e três meses. Na sequência de vários anos de sucessivos recursos para os tribunais superiores a pena foi considerada prescrita em 4 de maio de 2011 pelos juízes do Tribunal da Relação do Porto.

Ferreira Torres foi arguido no processo Apito Dourado, além de ter sido acusado por crimes de corrupção, peculato de uso, abuso de poder e extorsão. Em março de 2009 foi absolvido pelo Tribunal do Marco de Canaveses dos quatro crimes de que estava acusado pelo Ministério Público.

Foi candidato à Câmara Municipal de Amarante em 2009, tendo sido derrotado.

Em 2013, Ferreira Torres, líder da concelhia do CDS recandidatou-se à liderança da autarquia numa lista independente, contando o apoio de toda a concelhia democrata-cristã, cujos membros, por unanimidade, aprovaram apoiar a candidatura independente.

Nas eleições autárquicas de setembro de 2013, ficou em segundo lugar e a candidatura com que se apresentou a votos, Marco Confiante com Ferreira Torres, elegeu dois vereadores.

Em setembro de 2016, anunciou que em 2017 iria ser candidato em Amarante, mas desistiu.

Must Read

Charlles e Tiringa declaram que “não estão na política para fazer comédia”; dupla lançou candidatura coletiva de deputado federal

Sem tempo de TV e rádio, os youtubers realizaram campanha visitando todas as mesorregiões de Pernambuco, com financiamento próprio, ou seja, sem doações ou...

Carvana 10123 encerra campanha defendendo a democracia e fortalecendo a família pernambucana

O deputado estadual William Brigido (Republicanos), candidato à reeleição, encerrou a caravana 10123 ao lado do povo. De acordo com o candidato foram 90...

Fabrizio Ferraz faz encerramento de campanha com carreata histórica pelas ruas de Floresta

As ruas de Floresta foram tomadas por uma onda azul, na noite dessa quinta-feira (29). O deputado estadual Fabrizio Ferraz fez o encerramento da...

Coronel Alberto Feitosa reúne família, amigos e apoiadores em último grande encontro de campanha

Milhares de pessoas lotaram o Clube Internacional do Recife, na Benfica, para a reunião de reta final da Campanha para reeleição do deputado estadual...

Movimento Advocacia Negra anuncia voto em Vinicius Castello para Alepe e Robeyoncé Lima para Câmara Federal

Profissionais que fazem parte do movimento da advocacia negra se reuniram na noite desta quarta-feira (28) para demonstrar apoio às candidaturas de Vinicius Castello...