Início Esporte Justiça ordena retirada de site que usava marca do Cruzeiro para vender...

Justiça ordena retirada de site que usava marca do Cruzeiro para vender artigos esportivos

Mande notícias, fotos, ou videos.

Entre em contato com o setor Comercial do Hoje em Dia e conheça nossas opções de anúncios e valores ideais para seu negócio.

As notícias mais importantes acontecem em qualquer lugar, sua leitura também. Assine o Jornal Hoje em Dia, impresso ou digital, e receba diariamente conteúdo jornalístico de qualidade.

Belo Horizonte

(31) 3253-2222

O site Cruzeiromania, que vendia materiais esportivos com a marca do Cruzeiro, foi condenado a retirar o endereço eletrônico do ar após o clube entrar com um processo por uso indevido da marca. Na ação, o time celeste alega que a plataforma vendia produtos identificados ao time e usava a expressão Cruzeiromania sem ter qualquer vínculo com a equipe. Se desobedecerem a ordem judicial, os condenados terão que pagar uma multa diária de R$ 100 mil ao clube.

O Cruzeiro sustentou que a expressão “Cruzeiromania” é parte de sua marca, conhecida no mercado por estar relacionada a um time de futebol de reputação nacional e internacional. A argumentação foi acatada pelos juízes de primeira e de segunda instância, que consideraram o uso da expressão como evidente causa de confusão entre consumidores, que são levados a erro por acreditarem que a loja virtual, onde se vendem camisas e materiais esportivos, pertence ao time celeste.

A Webmz Sport Artigos do Vestuário Ltda. e a Webmanagerz Soluções Criativas Ltda., que registraram o domínio, recorreram da primeira decisão alegando que o time tinha conhecimento de que o domínio pertencia a elas e sempre concordou com seu uso. Outro argumento de defesa dos responsáveis pelo site foi o de que durante sete anos, período entre o registro do domínio e o início do processo judicial, o clube nunca impôs qualquer obstáculo ao uso e à propriedade sobre o nome da marca, tanto que a Webmz e a Webmanagerz registraram, em 2006, dois domínios semelhantes (www.lojacruzeiromania.com.br e www.lojacruzeiromania.com).

O recurso, no entanto, foi negado pelo desembargador José Flávio de Almeida, da 12ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), que considerou evidente prejuízo ao clube pelo uso da marca pela loja virtual. “Isso porque os responsáveis pelo domínio desenvolvem atividade de vendas de produtos oficiais e licenciados da marca Cruzeiro na rede, sendo inegável o aproveitamento indevido da marca famosa, o desvio de clientela e a concorrência desleal”, justificou.

A reportagem tentou contato com os responsáveis pelo domínio, mas não obteve retorno. No momento da publicação deste conteúdo, o website já não podia ser acessado pelo domínio www.cruzeiromania.com.br.

As notícias mais importantes acontecem em qualquer lugar, sua leitura também. Assine o Jornal Hoje em Dia, impresso ou digital, e receba diariamente conteúdo jornalístico de qualidade.

Belo Horizonte

(31) 3253-2222

Must Read

Elirio Dambros fala sobre prós e contras do uso de fraldas descartáveis

Que as fraldas descartáveis vieram para facilitar a vida dos pais, disso ninguém tem dúvida. No entanto, ainda se investiga os impactos causados pelo seu uso na saúde...

Toguro do Sport? Influencer exibe faixa do Leão da Ilha em partida do Brasil na Copa do Mundo

Influencer foi um dos mais compartilhados no ano, com vídeos motivacionais em situações inusitadas Um personagem que marcou a internet em 2022 conquistou os torcedores...

Nome de Gilson Machado já é favorito para disputa municipal em 2024

O atual diretor-presidente da Embratur e ex-Ministro do Turismo segue sendo principal referência em apoio, fidelidade e alinhamento com Bolsonaro, para os conservadores no...

Brasil vence a Suíça e está classificado para as oitavas de final da Copa do Mundo

Vitória contra a Suíça fez o Brasil garantir matematicamente a classificação para as oitavas de final O Brasil já garantiu vaga nas oitavas de final...

Alerta laranja de perigo de chuvas intensas em Afrânio e Petrolina

Os municípios de Afrânio e Petrolina estão em alerta laranja de perigo potencial de chuvas intensas, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), previsão...