Início esporte Grã-Bretanha vai deixar a UE em 31 de outubro, diz ministro britânico...

Grã-Bretanha vai deixar a UE em 31 de outubro, diz ministro britânico – Jornal O Globo

LONDRES – O

Brexit

vai acontecer até

31 de outubro,

disse o ministro do governo britânico

Michael Gove,

neste domingo, apesar de os legisladores obrigarem o primeiro-ministro

Boris Johnson

a enviar uma carta no sábado à

União Europeia (UE)

solicitando um adiantamento do prazo.

O Parlamento frustrou a tentativa de Johnson de garantir apoio ao seu acordo de divórcio na UE no sábado, retendo sua aprovação para desencadear uma lei aprovada no mês passado para forçá-lo a enviar uma carta ao bloco pedindo

adiar o prazo para 31 de janeiro.

A medida foi criada para evitar qualquer risco de que a Grã-Bretanha possa deixar a UE sem um acordo em 31 de outubro.

– Vamos sair em 31 de outubro, temos os meios e a capacidade de fazê-lo – disse Gove, o ministro encarregado dos preparativos sem acordo do Brexit, à Sky News. – Essa carta foi enviada porque o parlamento exigia que fosse enviada (..), mas o parlamento não pode mudar a mente do primeiro-ministro, o parlamento não pode mudar a política ou determinação do governo.

LEIA AINDA:Entenda como o acordo do Brexit evita a imposição de uma fronteira entre as Irlandas

Johnson enviou uma carta à União Europeia solicitando um atraso conforme a lei exigia, mas ele não assinou o documento e acrescentou outra nota dizendo que não queria uma extensão do Brexit “profundamente corrosiva”.

Gove disse que o risco de sair sem acordo aumentou:

– Se tivéssemos nossa vitória ontem, estaríamos em uma rota clara para um acordo – disse ele. – Agora, como resultado dessa votação, não podemos garantir que qualquer extensão seja concedida.

VEJA TAMBÉM: Boris Johnson envolve a rainha Elizabeth II no pesadelo do Brexit

O presidente do Conselho Europeu Donald Tusk disse que consultaria os líderes da UE antes de responder à carta de Johnson. No entanto, era improvável que os 27 estados membros restantes da UE recusassem o pedido de atraso da Grã-Bretanha.

Gove disse que o governo intensificaria os preparativos para um Brexit sem acordo, incluindo o desencadeamento de seus planos de contingência “Operação Yellowhammer”.

– O risco de sair sem acordo aumentou, na verdade, porque não podemos garantir que o Conselho Europeu conceda uma prorrogação. Por isso, hoje mais tarde, presidirei uma reunião da comissão do Gabinete (…) para garantir que a próxima etapa de nossos preparativos para a saída, nossa preparação para um não acordo, seja acelerada – afirmou.

Must Read

Pernambuco já realizou mais de 1,8 mil testes de Covid-19 nos jogos de futebol

Com a liberação da presença de torcida nos jogos de futebol profissional em Pernambuco, a testagem para a doença é fundamental para o monitoramento...

Marília Mendonça e Maiara e Maraisa estrelam campanha na Times Square

As patroas deslancharam para o mundo! Nesta quinta (21), Marília Mendonça e a dupla Maiara e Maraísa estamparam um telão na Times Square, principal...

Com propostas em mãos, ex-auxiliar do Real Madrid e ex-técnico do Flu está muito próximo de acertar com time brasileiro

O treinador fez grande trabalho no Palmeiras e chegou a ser auxiliar de Luxemburgo no Real Madrid De volta ao futebol brasileiro, o técnico Paulo Campos já...

Palas Pinho 20 anos de carreira no movimento brega

Palas Pinho uma das artistas mais respeitadas e querida do cenário musical Pernambucano, completa 20 anos de carreira no movimento brega, em 2001 ela implaca...

Secretaria do Trabalho estadual abre inscrições para Fenearte 2021

Quatro estandes serão disponibilizados para empreendimento solidários num dos espaços mais nobres da cultura pernambucana A Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação de Pernambuco abre,...