Início esporte Governo vai acabar com taxa extra para voo internacional; tarifa de embarque...

Governo vai acabar com taxa extra para voo internacional; tarifa de embarque cairá à metade – Jornal O Globo

BRASÍLIA O

governo federal

decidiu acabar com a uma

taxa

cobrada há 20 anos de

passageiros brasileiros

que voam para

fora do país

. O anúncio foi feito, nesta segunda-feira, pelo

ministro da Infraestrutura

, Tarcísio Gomes de Freitas. Na prática, a extinção dessa taxa deve fazer com que a

tarifa de embarque internacional caia pela metade

.

A taxa é uma cobrança adicional feita junto com a tarifa de embarque em voos internacionais nos principais aeroportos do país e equivale a US$ 18, independentemente do destino. Segundo o ministro, a taxa será eliminada em breve.

No exterior

:

Quer trabalhar, estudar ou empreender? Guia mostra as opções nos principais destinos

O adicional de tarifa de embarque para voos estrangeiros foi criado lá atrás para recompor a dívida mobiliária da União, e ficou, ele vai ser eliminado em breve disse o ministro, após participar de um evento sobre aviação, em Brasília.

A taxa foi criada em 1999 e, atualmente, é uma das fontes de abastecimento do Fundo Nacional de Aviação Civil (FNAC), criado em 2011 para financiar melhorias na infraestrutura aeroportuária. Em 2018, o governo arrecadou, R$ 700 milhões com a cobrança. O ministro não informou como essa receita será compensada.

Preço:Brasileiro vai pagar para despachar mala. Veja quanto cobra cada companhia

Atualmente, incluindo o acréscimo de US$ 18, a taxa de embarque internacional vai de R$ 106,76 (aeroporto de Natal) a R$ 122,20 (Galeão). Uma parcela desse valor, de US$ 18, é transferida para o fundo de aviação civil. O restante fica com a empresa que administra o aeroporto e serve para remunerá-la pelos serviços prestados aos passageiros.

Com o fim da taxa extra os passageiros passariam a pagar somente a parte devida às empresas que administram os aeroportos. Isso significa que a tarifa de embarque cairia para a metade do preço. No Galeão, por exemplo, a tarifa de embarque para voos internacionais passaria de R$ 122,20 para R$ 56,40.

Mais concorrência

:

Espanhola Air Europa quer operar voos e abrir hotéis no Brasil

A ideia é ampliar o leque de medidas de

incentivo

à atração de

companhias aéreas de baixo custo

(low cost) ao país. O governo quer atrair essas empresas também para voos domésticos e, com isso, reduzir o preço das passagens aéreas no Brasil.

Tarcísio disse também que a meta do governo é ampliar para

200 milhões

o total de

passageiros

aptos a usarem o

transporte aéreo no Brasil

, em 200 localidades, até 2025. Hoje, são 120 milhões de passageiros em 140 localidades.

Leia também

:

Brasil quer atrair companhias aéreas estrangeiras para operar rotas domésticas

A nossa ideia é chegar a 200 milhões de passageiros em 200 localidades em 2025 com os investimentos que estão sendo gestados agora. Estamos transferindo aeroportos para a iniciativa privada, serão 41 até 2022. Vamos atingir 63 aeroportos concedidos. A gente está fazendo ainda diversos investimentos na aviação regional, dando mais conectividade ao país afirmou.

Must Read

Na Anatel, André Ferreira recebe compromisso de ampliação do serviço de telefonia em 50 municípios do interior do Estado

Na Anatel, André Ferreira conquista ampliação do serviço de telefonia em 50 municípios do interior do Estado. O deputado federal André Ferreira (PSC-PE) se reuniu...

Municípios do Sertão avançam no Plano de Convivência

Nas gerências regionais com sedes em Arcoverde, Afogados da Ingazeira e Serra Talhada, estabelecimentos poderão funcionar até às 20h   O Governo de Pernambuco, após análise...

Agrestina vivencia São João “Cada qual na sua casa” com forró volante pelas ruas da cidade e vilas

Neste ano de 2021 o tradicional São João de Agrestina será diferente, com “Cada qual na sua casa”. Esse foi o tema escolhido pela...

SÃO JOÃO EM CASA

Elba Ramalho, Mastruz, Limão com Mel: confira 11 lives para assistir no São João Bohemia

Itália dispensará uso obrigatório de máscara ao ar livre a partir do dia 28

Após ter sido um dos primeiros países a viver a realidade do coronavírus e entrar em crise sanitária, chegou a vez da Itália de...