Início Esporte Ex-presidente da Conmebol é banido do futebol pela Fifa

Ex-presidente da Conmebol é banido do futebol pela Fifa

A Fifa anunciou nesta quarta-feira (2 de outubro) o banimento vitalício de Eugenio Figueredo, ex-presidente da Conmebol e ex-vice presidente da própria entidade máxima do futebol, por corrupção. Diante disso, ele não poderá exercer qualquer atividade ligada à modalidade até o resto de sua vida, com início já nesta quarta.

O comunicado foi divulgado no site oficial da Fifa, no qual afirma que o uruguaio, atualmente com 87 anos, violou o artigo 27 de seu Código de Ética, que fala sobre a prática do suborno. Além disso, Figueredo também recebeu uma multa de um milhão de francos suíços (cerca de R$ 4,1 milhões).

Veja as últimas do Mercado da Bola e quem pode chegar ao seu time

Gringos elegem os cinco maiores do Brasil; veja o resultado

O ex-presidente da Conmebol foi condenado depois de ter sido investigado por envolvimento em uma série de episódios de suborno entre os anos de 2004 e 2015, “em relação ao seu papel na concessão de contratos a empresas pelos direitos de mídia e marketing dos concursos” da entidade.

Em maio de 2015, Figueredo foi um dos presos na Suíça pelo FBI por conta de uma investigação que apurou irregularidades cometidas por cartolas ligadas à Fifa – entre eles estava José Maria Marin, ex-presidente da CBF, que cumpre pena em uma prisão nos Estados Unidos.

Confira abaixo a nota completa divulgada pela entidade:

A câmara adjudicatória do Comitê de Ética independente considerou Eugenio Figueredo, ex-vice-presidente e presidente da Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL) e ex-membro de vários comitês da FIFA, culpado de suborno por violar o Código de Ética da FIFA.

O processo de investigação contra Figueredo se referiu a um esquema de suborno no período de 2004 a 2015 em relação ao seu papel na concessão de contratos a empresas pelos direitos de mídia e marketing dos concursos da CONMEBOL.

Na sua decisão, a câmara julgadora concluiu que o Sr. Figueredo havia violado o art. 27 (suborno) da edição de 2018 do Código de Ética da FIFA e, como resultado, o sancionou com a proibição vitalícia de participar de qualquer atividade relacionada ao futebol (administrativa, esportiva ou qualquer outra) em nível nacional e internacional . Além disso, foi aplicada uma multa no valor de 1.000.000 de francos suíços a Figueredo. A decisão foi notificada hoje a Figueredo, data em que a proibição entra em vigor.

Carlos Alberto toma uma guilhotina em aula de MMA com equipe do FOX Fight Club, veja

Leia também!

Grêmio x Fla: saiba como assistir o duelo de ida da semifinal da Libertadores, exclusivo FOX Sports!

QUIZ: Você conhece a história do Flamengo na Libertadores?

QUIZ: Você conhece a história do Grêmio na Libertadores?

(Crédito da imagem: Divulgação/Conmebol) 

Must Read

DNA confirma que Neil Barreto é pai da criança que teve com fiel

Chegou ao fim na manhã deste domingo (15/05), a dúvida que pairava sobre os fiéis da igreja Batista Betânia, no Rio de...

Maíra Cardi se pronuncia após PA recusar presente: “Ego bobo”

Nesta sexta-feira (13), a influenciadora Maíra Cardi, de 38 anos, retornou ao Instagram após o seu afastamento, e falou sobre a polêmica com Paulo...

Michelle Barros anuncia saída da Globo: “Aberta ao que vier!”

A jornalista Michelle Barros (42) anunciou sua saída da emissora Globo. Ela integrava a equipe de profissionais em São Paulo e já apresentou diversos...

Pastor morre após ser atingido por bala perdida

Uma troca de tiros envolvendo três criminosos, na noite desta quinta-feira (12), culminou na morte de um pastor evangélico. O caso aconteceu...

Brasiliense Vivi Araújo volta a lutar no UFC neste sábado

Há um ano, a brasiliense Vivi Araújo deixava o octógono do UFC com uma derrota para Katlyn Chookagian, na luta mais dura que fez na organização...