Início Brasil Bolsonaro diz que novas parcelas do auxílio não serão de R$ 600:...

Bolsonaro diz que novas parcelas do auxílio não serão de R$ 600: ‘União não aguenta’

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta segunda-feira (22) que o governo vai seguir pagando o auxílio emergencial por mais dois meses, mas as novas parcelas não serão de R$ 600, como as três primeiras.

“O Paulo Guedes decidiu pagar a quarta e a quinta, mas falta acertar o valor. A União não aguenta outro com esse mesmo montante”, disse Bolsonaro ao canal Agro+.

Segundo ele, um valor do auxílio mais baixo será negociado no Congresso, já que o que está em vigor custa R$ 50 bilhões por mês ao governo. “Queremos atender o povo, mas com muita responsabilidade”, afirmou. Apesar da fala do presidente, as parcelas que ainda não foram pagas aos beneficiários não deverão ter o valor alterado, apenas a extensão, caso seja aprovada.

A maneira mais rápida de diminuir a dependência do auxílio para a população é reabrir o comércio nas cidades, continuou. O presidente avalia as medidas de isolamento social tomadas por Estados e municípios para conter a disseminação do novo coronavírus como “um exagero” e acredita que não vai ser fácil para a economia pegar no tranco, já que embora o campo não tenha parado, as cidades e muitos Estados fecharam o comércio.

“Não podemos deixar que o efeito colateral do tratamento da pandemia seja mais danoso do que a própria pandemia. Vida e emprego, uma coisa está completamente atrelada à outra”, disse Bolsonaro.

*Com Estadão Conteúdo

Must Read

Anvisa autoriza a ampliação do prazo de validade da vacina da Janssen

A aprovação foi baseada em uma criteriosa avaliação dos dados de qualidade dos estudos.   A Diretoria Colegiada da Anvisa, via sistema deliberativo interno, aprovou a...

Nova enquete no site da Alepe

Projeto adia proibição de fogos de artifício ruidosos para 2030, opine A aplicação da norma que proíbe fogos de artifício ruidosos em Pernambuco pode ser...

Eduardo da Fonte defende prorrogação e valor maior para o auxílio emergencial.

O deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE) classificou como positiva a confirmação feita pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, de que o Governo Federal...

Fiocruz recebe mais um carregamento de matéria prima para produção de vacinas

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) recebeu, neste final de semana, mais um carregamento de IFA, o ingrediente farmacêutico ativo, usado para a produção da...