Início esporte Análise: Como o Flamengo dominou o Fluminense e manteve ritmo de líder...

Análise: Como o Flamengo dominou o Fluminense e manteve ritmo de líder – Jornal O Globo

Num clássico com ampla superioridade do

Flamengo

, o rubro-negro derrotou o

Fluminense

por 2 a 0, neste domingo, no Maracanã, chegou a 64 pontos e está há 14 jogos sem perder no Brasileiro (13 vitórias e um empate). O tricolor estacionou nos 29 pontos, mas permanece fora da zona de rebaixamento.

Na próxima rodada, o rubro-negro enfrenta o CSA, no Maracanã, no domingo. O Tricolor, também no estádio, pega a Chapecoense num confronto direto na luta contra o rebaixamento.

O primeiro tempo do clássico foi praticamente um samba de uma nota só. Quem deu o tom foi o Flamengo, que chegou a ter 71% de posse de bola. Os cinco primeiros minutos de jogo resumem bem a superioridade e intensidade rubro-negras.

Neste tempo, o jogo se concentrou na faixa da intermediária para o ataque rubro-negro. O Fluminense, quase numa roda de bobinho, mal conseguia manter a bola quando de posse dela.

A tática de Jorge Jesus foi premiada já aos três minutos com o gol de cabeça de Bruno Henrique, após bom cruzamento de Rodinei.

Poderia ter sido mais. A facilidade do Flamengo em esticar a bola, com qualidade, até o ataque deixou a defesa tricolor perdida. A sorte foi ter Muriel sob a trave. Gabigol perdeu duas chances. Numa delas o goleiro espalmou para escanteio.

Ele ainda apareceria ao longo da etapa inicial em bolas de Everton Ribeiro e de Rodrigo Caio.

Ainda sobrou reclamação da intervenção do VAR. Gabigol foi derrubado dentro da área por Nino, que só depois tocou na bola. O árbitro Anderson Daronco reviu o lance no monitor e deu apenas escanteio.

Ao Fluminense restava contar com a velocidade de seus atacantes. Na disputa homem a homem, no contra-ataque, ainda havia uma chance. Foi assim que Wellington Nem, aos 25, chegou na frente de Diego Alves, que espalmou para o lado. Jogada trabalhada de pé em pé apenas nos minutos finais. A finalização de bicicleta de Yony Gonzalez foi para fora.

O 1 a 0 ao fim do primeiro tempo era até lucro para o tricolor. Porém, desperdiçar tantas chances deixou o Flamengo em alerta.

Viemos com a proposta de jogo que não é novidade para ninguém. A gente sabe que o Fluminense gosta de sair jogando, e o mister sempre que encontra essa formação tática coloca o nosso time mais em cima ainda para eles não saírem jogando. Estamos conseguindo fazer superbem o que ele pediu. Vamos ver o que ele vai falar no intervalo para gente acertar disse Bruno Henrique, autor do gol.

A estratégia foi mantida no segundo tempo. Já nas primeiras ações lá estava o Flamengo de frente para o gol de Muriel. Mas o segundo gol insistia em não sair.

Entre um espaço e outro encontrado pelo tricolor, o time até tentou o empate. Mas as chances não foram muitas. No máximo uma bola que sobrou para Nenê e foi desviada a escanteio. Naquele momento, a torcida já começava a perder a paciência sobretudo com Ganso.

As fracas ameaças não assustaram o Flamengo. Com Reinier em campo no lugar de Vitinho, o time ganhou novo fôlego. Aos 20 minutos, o atacante recebeu de Gabigol, perdeu a bola, a recuperou e rolou para Gerson. O camisa 8 soltou uma bomba. Gilberto ainda tocou de cabeça na bola ajudando a colocá-la nas redes: 2 a 0.

Diante de um rival muito superior, não cabia muito o que fazer ao Fluminense. Não ser goleado já era uma vitória. Mas os três pontos foram para o Flamengo que segue líder.

Must Read

Anvisa autoriza a ampliação do prazo de validade da vacina da Janssen

A aprovação foi baseada em uma criteriosa avaliação dos dados de qualidade dos estudos.   A Diretoria Colegiada da Anvisa, via sistema deliberativo interno, aprovou a...

Nova enquete no site da Alepe

Projeto adia proibição de fogos de artifício ruidosos para 2030, opine A aplicação da norma que proíbe fogos de artifício ruidosos em Pernambuco pode ser...

Eduardo da Fonte defende prorrogação e valor maior para o auxílio emergencial.

O deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE) classificou como positiva a confirmação feita pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, de que o Governo Federal...

Fiocruz recebe mais um carregamento de matéria prima para produção de vacinas

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) recebeu, neste final de semana, mais um carregamento de IFA, o ingrediente farmacêutico ativo, usado para a produção da...